Projeto WHEATBIOME

Ana Faria e seu grupo na NOVA Medical School irão focar-se na avaliação dos efeitos na saúde de novos produtos de trigo mais saudáveis.

 

Como parte do inovador projeto WHEATBIOME, liderado na NOVA Medical School (NMS) por Ana Faria e Conceição Calhau, a investigação da faculdade desenvolverá um papel vital no contributo para o conhecimento do microbioma do trigo e no avanço de sistemas de produção de trigo sustentáveis. Com foco em todo o ciclo de produção-consumo do trigo, a NMS irá avaliar especificamente os efeitos na saúde de novos produtos de trigo, visando melhorar a qualidade nutricional e promover culturas de trigo mais apelativas.

Ana Faria destacou o foco de investigação da NMS e como se alinha com os objetivos do projeto. Faria afirmou que: "um dos nossos focos tem sido o efeito de fatores modificáveis, como a dieta, na modulação do microbiota e o impacto na saúde, e este projeto está perfeitamente integrado nesta linha de investigação".

Ana Faria explicou ainda a importância da colaboração, afirmando: "Irá contribuir para explorar os mecanismos da interação entre o alimento e o microbiota humano, explorando a modificação da composição e função do microbiota e o seu impacto em parâmetros como a inflamação. Permitirá perceber o potencial de intervir desde a produção do cereal para a criação de alimentos mais nutritivos, sustentáveis e com impacto positivo na saúde humana".

A colaboração entre a NMS e o projeto WHEATBIOME enfatiza a importância da produção alimentar sustentável e consciente em relação à saúde. Aproveitando as valências da NMS no estudo do impacto da dieta e da microbiota na saúde, o projeto visa aprofundar a nossa compreensão da complexa relação entre trigo, o corpo humano e sistemas alimentares sustentáveis.

O projeto WHEATBIOME, uma Research Innovation Action de 48 meses financiada pela Research Executive Agency (REA), é composto por um consórcio de 13 parceiros de seis países europeus e é coordenado pela Universidade do Porto e pela Universidad de Vigo. Com a participação da NOVA Medical School, juntamente com seus estimados parceiros de investigação, o projeto está preparado para impulsionar avanços significativos na produção sustentável de trigo e contribuir para o desenvolvimento de opções alimentares mais saudáveis.

Consortium WHEATBIOME:

  • Universidade do Porto (Portugal)
  • Universidad de Vigo (Espanha)
  • Universitat de Valencia (Espanha)
  • Instytut Biotechnologii Przemyslu Rolno-Spozywczego IBPRS (Polônia)
  • Contactica S.L (Espanha)
  • Stichting Wageningen Research (Holanda)
  • Szkola Glowna Gospodarstwa Wiejskiego (Polônia)
  • Universidade NOVA de Lisboa (Portugal)
  • Editorial Agricola Española SA (Espanha)
  • UAB ART21 (Lituânia)
  • ISANATUR Spain SL (Espanha)
  • Allatorvostudomanyi Egyetem (Hungria)
Ana Faria
Conceição Calhau

Metabolismo e Nutrição

Conceição Calhau